quarta-feira, 26 de outubro de 2016

Origem do dízimo

É de grande importância que conheçamos a origem daquilo que se quer estudar, pois é nela que iremos encontrar respostas para todas as perguntas e tirar dúvidas pertinentes à cerca do assunto que desejarmos abordar,

O dízimo surge cerca de 600 anos antes que Moisés recebesse de Deus as tábuas do decálogo (Dez mandamentos). Em Gênesis 14, podemos estudar a origem do dízimo, que se dá quando Abrão, sai e persegue a cindo reis (Anrafel, rei de Sinar, Arioque, rei de Elasar, Quedorlaomer, rei de Elão, e Tidal, rei de Goim Gn 14. 1). Ora estes cinco reis haviam acabado de derrotar o rei de Sodoma, o rei de Gomar, o de Admá e o de Zeboim.

Quando chega ao conhecimento de Abrão que seu sobrinho Ló encontrava-se em poder destes, imediatamente arma seus servos e sai-lhe ao encontro. Abrão consegue superá-los e volta com seu sobrinho Ló, com todo o povo de Sodoma e de Gomorra, e com todos os despojos daqueles reis. Ao voltar vitorioso desta batalha, Melquisedeque, rei de Salém sai-lhe ao encontro o abençoa e Abrão então entrega-lhe o dízimo de tudo. Assim surge o dízimo, no coração de Abrão, sem que ninguém houvesse lhe orientado a tal.

Leia Gênesis 14; é uma leitura agradável e enriquecedora. Na próxima postagem falarei sobre a simbologia deste capítulo. 

Seja abençoado em nome de Jesus!